Investir em Treinamento em tempos de crise

13/02/2017 às 15:06:12

Em tempos de crise, infelizmente, é que tendemos a repensar muitos dos procedimentos empreendidos em Gestão de Pessoas, principalmente pela necessidade de otimizar investimentos.Aqui cabe enfatizar que a automatização de processos também contribui efetivamente para a Gestão Estratégica de Pessoas, e para T, D & E (Treinamento, Desenvolvimento e Educação) não seria diferente. A estruturação e redesenho de processos inerentes à formação continuada, desde o levantamento de necessidades de treinamento até a avaliação de Competências adquiridas, representa uma diminuição do tempo dispendido em atividades meio possibilitando focar nos objetivos estratégicos da Formação Continuada.

Inúmeras vezes, em tempos de bonança, tendemos a considerar relações duvidosas de causa e efeito - competências adquiridas e resultados apresentados - como consistentes, variáveis seguramente correlacionadas, afinal, caso estejamos alcançando resultados melhores em um grupo de Colaboradores após um treinamento, é plausível que as novas competências adquiridas por eles sejam as responsáveis pelo acréscimo no desempenho apresentado, correto? Não necessariamente! Os tempos difíceis reforçam a necessidade de utilizar métricas consistentes para definir prioridades, defender contratação de serviços, afinal agora temos que definir como investir melhor a verba de formação das Equipes.

O investimento em tecnologias para informatização dos processos de formação continuada pode parecer, a princípio, um contrassenso em tempos de contenção de ?custos?, porém, ao analisar a redução de custos proveniente da unificação dos conteúdos de treinamento em uma única plataforma, com a possibilidade inerente de redução de investimentos com deslocamentos e prestação de serviços, a partir da implantação dessas novas tecnologias, percebe-se que há uma relação de custo benefício considerável. Lembre-se sempre que não há fórmulas prontas, devemos analisar cenários na organização para definir a utilização da tecnologia, assim como o seu formato.

A retenção de investimentos em momentos de crise pode, e deve, ser encarada como uma oportunidade para estabelecer novas estratégias e implementar ações efetivas de reposicionamento da Gestão de Pessoas nas organizações. A minha experiência remete a uma necessidade de trabalhar melhor com indicadores, estruturar e avaliar ferramentas, e claro, inovar, principalmente na construção de novos modelos de formação para o aprimoramento das Equipes.



EDUARDO ROCHA

Assine nossa Newsletter

Enviando...

Grupo Gladium

Nossa solução, seu resultado.

+55 61 2626 2710

contato@grupogladium.com.br

SBS Quadra 01, Bloco K, Salas 1208 e 1209
Asa Sul, Brasília

Gestão de Pessoas

Navegue pela página de Gestão de Pessoas e conheça as soluções desenvolvidas pela Gladium.

Home

Soluções

Artigos

Conheça

A Gladium desenvolve soluções para a gestão de sua empresa.

Gladium Tecnologia

Gladium Marketing

Gladium Gestão RH

Contato

Enviando...

Desenvolvido com muito por nós mesmos.